Livro ‘Histórias do Cerrado’ é lançado em Rio Paranaíba; edição conta com fotografias e histórias de pessoas locais


Foi realizado na Câmara Municipal de Rio Paranaíba na noite desta quinta-feira (21), o lançamento do livro “Histórias do Cerrado”, com a presença de autoridades municipais, professores, escritores e fotógrafos. O evento iniciou com a execução do Hino Nacional Brasileiro e o Hino de Rio Paranaíba escrito por Maria Antônia Maciel que, também teve textos inseridos no exemplos de edição limitada.

O livro traz um retrato da região do Alto Paranaíba através das cidades de São Gotardo, Rio Paranaíba, Carmo do Paranaíba e Patos de Minas. Ao longo de vários meses, os pesquisadores e historiados percorram as cidades em buscas de informações e fotografias que contam a histórias das localidades.

De acordo com o editor do livro Luiz Ricardo, eles colheram inúmeras histórias da região que não foi possível coloca-las todas dentro de uma única edição. Em Rio Paranaíba, por exemplo, foram incluídas fotografias do fotógrafos Alexandre Henrique, Fábio Otoni e Carminha Fernandes. Também foram colhidos relatos de várias pessoas da cidade como do empresário no ramos de restaurante, Carlos Cruz que contou a história sua mãe, a Dona Maria Terta.

No livro também foi incluído o projeto Mulheres de Chaves do time Enactus da Universidade Federal de Viçosa, campus de Rio Paranaíba. Segundo Martha Tóffolo, pesquisadora, eram tantos fatos históricos da cidade que ficou até difícil de escolher para coloca-los na edição.

O objetivo do projeto “Histórias do Cerrado” é registrar a história de uma das regiões mais importantes do País, sua economia, seu rico patrimônio artístico-cultural, a natureza exuberante do cerrado mineiro e o desenvolvimento de cada Município, levando em consideração a cultura popular e os saberes e fazeres do povo alto-paraibano.

A pesquisa foi realizada em arquivos públicos e privados e por entrevistas com membros da comunidade, Poder Público, representantes de instituições, universidades, empresas e empreendedores individuais. As belas imagens, escolhidas entre tantas recebidas, em sua maioria, são de fotógrafos locais, assim como os textos e depoimentos publicados ao longo do livro.

O projeto desenvolvido pela Plus Cultura conta com o apoio da Lei Rouanet, Lei Federal de Incentivo à Cultura, por meio de seus principais patrocinadores, as empresas Arapé e Prodoeste. Inicialmente o livro será comercializado num valor promocional de R$ 80,00 e poderá ser adquirido no site da editora. Ele também pode ser lido digitalmente através do site do projeto: historiasdocerrado.com.br.

Texto: Gilberto Martins

COMPARTILHAR
Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.